A adaptação de A Metamorfose, de Kafka, para mangá

Por Fernanda Sarate

Mesmo quem não leu já deve ter ouvido falar da história do rapaz que, certo dia, acorda e percebe que se transformou em um inseto monstruoso. A Metamorfose, de Franz Kakfa, é um dos maiores clássicos do século XX e, recentemente, ganhou uma adaptação para mangá. Confira a nossa avaliação!

a_metamorfose_kafka_manga

 

Primeiro, vamos falar um pouco sobre o texto original.

A Metamorfose, de Franz Kafka

Kafka escreveu A Metamorfose em apenas 20 dias! Sua “pequena história”, como a chamou, foi publicada pela primeira vez em 1915 e traz como protagonista o caixeiro-viajante Gregor Samsa, que trabalha arduamente para sustentar sua família (pais e uma irmã mais jovem). Certo dia, entretanto, depois de uma noite intranquila de sono, Gregor acorda e percebe que se transformou em um inseto! Aaaahn? E isso, lembre-se, em 1915!!

A partir daí, a narrativa apresenta os dilemas de Gregor, que mantém sua consciência humana no novo corpo animal, e os de sua família que não sabe como lidar com a nova situação do antigo provedor da casa.

Todas essas transformações são narradas com um realismo mágico, sóbrio e atroz. Há diversos estudos abordando os possíveis significados de A Metamorfose, alguns acham que ele mostra a decadência do estilo burguês, outros que mostra o desespero do homem moderno perante a opressão e sua vida vida sem sentido. Há interpretações calcadas desde a psicanálise até o marxismo. E você, como interpreta essa metamorfose? Lembre-se de deixar um comentário ao final deste post! 😉

A adaptação para o mangá

Primeiramente, acho importante dizer que considero válidas e oportunas as adaptações de cânones da literatura para HQ ou mangá.

Dito isso, a primeira ressalva: infelizmente não foi preservada a orientação de leitura dos mangás nesta versão, isto é, da direita para a esquerda e de traz para a frente (em nossa visão ocidental). Acho que isso descaracteriza um pouco o mangá e retira um pouco da experiência de leitura propiciada por esse formato.

Segunda ressalva: nesta versão, se perdeu um pouco da profundidade dos dilemas de Gregor e da sutileza nas transformações vividas por ele e sua família, sobretudo pela irmã.

1980-01-01 00.00.54 (2)

 

Agora, os pontos positivos: primeiramente, devo dizer que as ilustrações são muito boas e complementam bem os textos do mangá. Outra questão é que, por tratar-se de uma outra linguagem, adaptações foram feitas. Se algo de introspectivo se perdeu, novos fatos e personagens foram adicionados à narrativa, o que enriquece o seu universo e oferece novas possibilidades de interpretá-la.

Um trecho específico que foi adicionado ao mangá e que não consta no texto original, achei bem interessante e pertinente. Ele inclui ali um pouco da riqueza da cultura oriental (visto que estamos lendo um mangá, acho isso relevante) e expande mais a obra. Nesse trecho, é apresentada uma anedota contada pelo filósofo Chuang Tzu, sobre o “sonho da borboleta”:
“Um belo dia, ele sonha que virou uma borboleta. Mas não percebe que era um sonho… E sai vivendo como borboleta…Aí, de repente ele desperta e se vê sendo o que ele sempre foi… ou imaginava que era.
Ele nunca saberia dizer se era verdadeiramente um homem que um dia sonhou ser uma borboleta… ou se era uma borboleta a sonhar que era um homem…”.

Livro: A Metamorfose (mangá)
Autor: Fraz Kafka (com adaptação e ilustrações da Equipe East Press)
Tradutor: Drik Sada
Editora: L&PM
Número de páginas: 208

Classificação:

zumbi_avaliacao

 

 

Acho que é super recomendado para quem ainda não leu o texto original, é um ótimo primeiro contato com a obra e com o mundo kafkiano. Já para quem já leu a versão original, é importante ter em mente que adaptações foram feitas, pois trata-se de uma linguagem diferente, a do mangá, que possui seus códigos próprios. Se visto dessa forma, a leitura será mais prazerosa e possibilitará uma expansão na compreensão do universo de Kafka ou, pelo menos, o contato com um pedacinho da cultura oriental.  Não precisa pressa, se achar necessário, releia depois o texto original (foi o que fiz, se você não tem o livro impresso, no Domínio Público tem uma versão para download).

Anúncios

2 comentários sobre “A adaptação de A Metamorfose, de Kafka, para mangá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s